sexta-feira, 30 de setembro de 2011

CONHECENDO POUSO NOVO

Olá meus amigos e queridas amigas.
Boa noite.

Ontem tentei entrar na net com o meu 3G da VIVO e não consegui. Hoje também não estava conseguindo, mas mudei de lugar, saí de dentro do motor home e vim aqui para a Churrascaria Panudo e eis que consegui acesso. Mas depois disso caiu e eu não consegui mais entrar, estou entrando agora, já em Espumoso para completar a postagem.

Saí de Portão na quinta após o meio dia e depois de viajar 50 km parei num posto na beira da BR 386 na cidade de Tabaís. Minha memória voltou ao passado, meados da década de 1970, quando minha família vinha de fusquinha de Carazinho para Tramandaí e o pai sempre parada neste local para a gente comer galinha com farofa. Era uma festa. O pobre do fuquinha pedia água, pois vinha com as pernas abertas de tanta tralha que vinha dentro dele, também pudera né, a gente ia passar 3 meses (de 15 de dezembro até 15 de março) na praia de Tramandaí.

Na sexta saí cedinho de Tabaí e depois de rodar por 78 km enconstei meu motor home num posto na entrada da cidade de Pouso Novo. Minha memória voltou novamente ao passado. Foi justamente neste local, no restaurante Paludo, que conheci, em 1976, minha segunda namorada, a Márcia. Nosso namoro durou quase um ano.

O dia que até ontem foi de muito sol e calor amanheceu frio e chovendos no dia de hoje. Mesmo sendo sábado, eu não viajo em finais de semana, e também estando chovendo, eu também não viajo com chuva, decidi quebrar as regras e coloquei o pé na estrada. Analisei a situação pois lá não tinha tv, não tinha net e também não tinha nada para fazer. O jeito foi viajar. Hoje andei muito, foram exatos 100 km até aqui na cidade de Espumoso onde deverei ficar hoje e amanhã. A chuva cai fininha fininha, atrapalhando o passeio de bike que ia fazer com o Bolinha para conhecer a city.

Um grande abraço a todos e até amanhã se DEUS assim o permitir.
Neste local, por vários anos, na década de 70, o pai parava para a gente comer, galinha com farofa, nas viagens até a praia de Tramandaí.
Na minha chegada em Tabaí o sol estava brincando de se esconder...
... mas depois proporcionou a todos este lindo espetáculo.
Que coincidência: parei para pernoitar em Tabaí, muito próximo do km que é o mesmo da BR.
Uma parada na subida da serra para bater uma foto da ponte sobre o ...
... Arroio FÃO, entre os municípios de Marques do Herval e Pouso Novo.
Chegando em Pouso Novo. Numa única tarde conheci toda a cidade, pedalando.
Bolinha pensando: Esse meu papy me leva para cada lugar... já terminou a cidade???
Exatamente neste local, em 1976, comecei a namorar a Márcia. Minha nossa, como o tempo passou, mas o local continua exatamente o mesmo, não mudou nadinha.

Um comentário:

  1. E as fotos?
    Bjos Clemente
    E um Lambeijo ao nosso aumigo.

    ResponderExcluir

OBRIGADO POR VIAJAREM CONOSCO DE MOTOR HOME.